Mad. Rita retorna ao Mapiá acompanhada da primeira dama do Estado do Acre

A nossa querida madrinha Rita está de volta ao conforto de seu lar na Vila Céu do Mapiá. Ela chegou dia 31 de Outubro, de helicóptero, acompanhada da primeira dama do Estado do Acre, d. Marlúcia Cândida, esposa do governador Tião Viana. Já recuperada da fratura no punho esquerdo e após várias sessões de fisioterapia, a Madrinha chegou demonstrando muita saúde, disposição e alegria. Como sempre sua chegada foi acompanhada por dezenas de moradores, todos ansiosos para vê-la e pedir-lhe a bênção. Em sua casa foi recebida também pelos familiares, amigos e afilhados.

Decolagem
Madrinha, d. Marlúcia e Lulu se preparando para decolar

A sua vinda foi garantida mais uma vez pela gentileza do Governo do Acre, que já havia prestado este favor em parceria com a irmandade, que garantiu o combustível do helicóptero, no seu primeiro deslocamento de Rio Branco, ocorrido no início deste ano. Desta vez a primeira dama do Estado do Acre fez questão de conhecê-la, em Rio Branco, na Fundação Sebastião Mota de Melo, onde ficou hospedada. Dona Marlúcia ainda visitou os irmãos da madrinha Rita, padrinho Nel e madrinha Júlia e aproveitou para fazer uma pequena caminhada para conhecer melhor a Vila, acompanhada de Lúcia Arruda, a Lulu.

Na conversa entre a primeira dama e a Madrinha esta lhe fez um convite para os festejos de comemoração dos 70 anos do seu filho, padrinho Valdete, dia 7 de Dezembro e agradeceu muito seu apoio e de seu marido, ressaltando que a ICEFLU e a Comunidade estavam a sua disposição. D. Marlúcia retribuiu o agradecimento, se dizendo muito encantada com a Comunidade e com a Madrinha e seus amigos que disse serem iluminados e prometeu voltar para um trabalho espiritual. No final, bem abraçadas, se disseram amigas para sempre.


O apoio do Governo do Acre à Comunidade, que já aconteceu em outras ocasiões em várias áreas como saúde, cultura e assistência social, também é uma retribuição à contribuição do seguimento da Doutrina do Santo Daime, pelo padrinho Sebastião Mota de Melo, que criou em Rio Branco a comunidade Colônia 5 Mil, que atraiu a atenção do mundo inteiro para a região e tem divulgado a cultura amazônica e brasileira em todo planeta. Além disso, pesquisa realizada há alguns anos pela Secretaria Estadual de Turismo do Acre, constatou que a maior parte dos estrangeiros que desembarcavam no aeroporto da capital tinha como destino final a Vila Céu do Mapiá. Estes visitantes, além dos brasileiros, também circulam por Rio Branco, trazendo muitas divisas ao Estado do Acre.

Chegada ao Mapiá
A chegada no Mapiá


A amizade entre as famílias da madrinha Rita e de dona Marlúcia, renovada agora, é antiga. Padrinho Nel conta que o pai do governador Tião e de seu irmão, o senador Jorge Viana, seu Uilde Viana, já era seu conhecido, quando moravam perto em Rio Branco. Seu Uilde o chamava de Negão, talvez um chiste pela sua pele clara. Certa vez seu Wilde foi lhe levar uns cocos na Colônia 5 Mil. O padrinho Sebastião aproveitou para plantá-los e eles estão até hoje lá, bem perto da Igreja, testemunhando a forte amizade.


Casa


Grupo
Em casa com a mana, parentes, amigos e afilhados

Se quiser receber esta e outras boas notícias cadastre seu e-mail no site iceflu.org.br
Texto: Oswaldo Guimarães
Fotos: Oswaldo e amigos.

© 2002-2018 INTI Todos os direitos reservados. Cessão de uso para Igreja do Culto Eclético da Fluente Luz Universal - Patrono Sebastião Mota de Melo